Sexta-feira, 28 de Julho de 2006

Sporting Vs Benfica - Torneio Guadiana

Sporting bateu o Benfica por 3-0 no primeiro derby da temporada. Uma entrada de “leão”, que teve em Yannick Djaló uma das figuras principais, já que marcou dois dos três golos “verdes e brancos”.

Os jogadores “leoninos” realizaram uma exibição fantástica. Com menos tempo de preparação que o Benfica, os “leões” mostraram superioridade em todos os aspectos. Os pupilos de Paulo Bento estiveram melhor física e tacticamente, num jogo que também ficou marcado pela estreia de Carlos Paredes com a camisola do Sporting. Os “leões” trocaram muito bem na bola, mostraram bom entrosamento e deram poucos espaços aos jogadores do Benfica.

Paulo Bento – no segundo onze da época – pôs Tiago na baliza, a defesa foi composta por Miguel Garcia, na direita, no eixo actuaram Tonel e Polga e Ronny ocupou o lado esquerdo. No meio campo, Custódio, Martins, Romagnoli e Moutinho e o ataque foi composto por dois “levezinhos”, Yannick e Liedson.
Desde o apito inicial, o pendor atacante do encontro pertenceu ao Sporting, que foi quem mais procurou inaugurar o marcador. Os “leões” mostraram um bom fio de jogo, um futebol apoiado nas alas e muito à vontade na entrada da grande área adversária. Moutinho, aos 14 minutos de jogo, podia ter inaugurado o marcador, quando – na esquerda – tentou fazer um chapéu a Moreira. A bola saiu um pouco por cima. Por outro lado, o Benfica pouco ou nenhum perigo conseguiu criar para a baliza defendida por Tiago, que só foi chamado a intervir aos 23 minutos. O guarda-redes “leonino” fez apenas uma defesa complicada no primeiro tempo, quando ao minuto 33 respondeu com uma intervenção incompleta a um remate de Katsouranis.

O golo do Sporting fazia-se adivinhar, já que os avançados chegavam com facilidade ao interior da grande área “encarnada”. Coube a Yannick Djaló a oportunidade de por os “leões” em vantagem no marcador. Depois de Rui Costa ter passado a bola a Ronny, o defesa serviu Yannick, que rematou cruzado para o fundo da baliza defendida por Moreira. Até ao final dos primeiros 45 minutos, o domínio continuou a pertencer aos pupilos de Paulo Bento, que foram para o intervalo com uma justa vantagem.

Ao intervalo Paulo Bento fez apenas duas substituições, tirando Miguel Garcia e Ronny e fez entrar Abel e Tello.

Nos segundos 45 minutos, o Sporting continuou a ser muito superior ao Benfica, pressionando muito a equipa “encarnada”. O Benfica sentiu muitas dificuldades e nunca conseguiu encontrar-se. No ataque, os “leões” estiveram imparáveis e Yannick voltou a mostrar o porquê de ter sido chamado para trabalhar na equipa principal do Sporting. Romagnoli fez o passe para Liedson, que do lado direito centrou para Martins. O número 10 do Sporting foi derrubado no interior da grande área “encarnada”, Lucílio Batista nada assinalou, e Djaló aproveitou o ressalto, picou a bola para tirar um adversário do caminho e depois de pé esquerdo rematou para o fundo da baliza do Benfica. A vantagem era mais do que justificada, já que o Sporting foi a única equipa com discernimento e que melhor futebol praticou.

O terceiro tento surgiu dos pés de Katsouranis, que no centro do terreno tentou atrasar para Moreira, mas acabou por fazer um chapéu perfeito que resultou no terceiro golo “leonino.” Como em caso de empate em golos marcados, este torneio é decidido pelo número de grandes penalidades marcadas, após os 90 minutos seguiu-se a marcação de penalties. Aí o encontro ficou empatado, já que tanto o Sporting e o Benfica marcaram por quatro vezes. Tiago defendeu a grande penalidade marcada por Marcel, enquanto Moreira parou o remate de Paredes.

Em suma, o Sporting, apesar de ter menos tempo de preparação, foi a melhor equipa, a mais organizada, mostrando que o grande trunfo para a presente época é o facto de ter mantido praticamente a mesma estrutura da época passada.

 

Publicado por Bá às 13:11

Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Segunda-feira, 24 de Julho de 2006

Torneio do Guadiana

 

Esta quinta feira não percam na SIC às 21:15 o Benfica vs Sporting...

Espero que seja um bom jogo e que o Sporting vença.

Bjx!

Publicado por Bá às 23:33

Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Sábado, 15 de Julho de 2006

Sporting

No dia 30 de Junho foi o jantar do Centenário... é um grande orgulho para os Sportinguistas celebrarem os 100 anos de Glória do Sporting.

Os novos equipamentos da Puma do SCP são muito fixes.

Pois é no dia 14 de Julho começou a pré - época para o Sporting...

Pois é... uma das novidades que não esperava é que Pedro Barbosa voltou, não como jogador mas sim como Director do futebol proficional.

Publicado por Bá às 01:19

Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

.Mais sobre mim

.Julho 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.Arquivos

. Julho 2011

. Fevereiro 2011

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Janeiro 2008

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Outubro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

.Posts recentes

. Clubes e investimentos

. Estamos de volta

. "Até já Alvalade..."

. Leões

. Futsal

. Sporting - Porto

. Nos oitavos da Liga Europ...

. Amanhã é dia de clássico

. SIMON VUKCEVIC 10

. Próximos adversários

.Links

.Participar

. Participe neste blog

blogs SAPO

.subscrever feeds